Qual a importância dos KPIs para sua equipe?

imagem Como pedir feedback para um liderado final

Ao longo do expediente, é importante definir metas, controlar os resultados alcançados e avaliar “gargalos” indesejados. Em todos esses casos, é preciso ter dados que ofereçam uma visão consistente e profunda. É exatamente aí que os KPIs de equipe entram.

O termo KPI é um acrônimo de Key Performance Indicator — isto é, indicador-chave de desempenho. Nos últimos anos, tornou-se comum que líderes adotem e compartilhem um conjunto de KPIs com sua equipe de trabalho, no intuito de obter melhores resultados.

Criamos um artigo sobre esse assunto. Quer entender mais sobre KPIs de equipe, qual sua importância e como utilizá-los na prática? Então, continue lendo com atenção.

O que são KPIs?

Imagine-se com mal-estar. Você pega um termômetro e coloca embaixo do braço, depois olha e verifica que está com 39 ºC. Então, chega à conclusão: “estou com febre”.

O KPI funciona de maneira semelhante, só que focado nos resultados organizacionais. Logo, é uma espécie de termômetro que ajuda a mensurar os resultados obtidos, bem como a avaliar se estão de acordo com o desejado. Assim, é possível fazer constatações precisas.

Há muitos exemplos de indicadores para a equipe, veja alguns dos principais:

  1. nível de produtividade diária;
  2. percentual de vendas efetivadas;
  3. nível de absenteísmo;
  4. taxa de rotatividade (turnover);
  5. número de conflitos, acidentes ou erros diários;
  6. nível de satisfação dos clientes atendidos.

Se você conta com KPIs para monitorar a assiduidade dos talentos e equipes, saberá se os profissionais estão faltando ou se atrasando muito para o trabalho. Por outro lado, se monitora o nível de produtividade, poderá notar quando eles estão mais ou menos engajados.

Feito o diagnóstico, utilizando-se do seu “termômetro”, poderá providenciar um tratamento adequado. Esse e outros benefícios serão apresentados no tópico seguinte.

Qual a importância dos KPIs para a equipe?

Há uma grande quantidade de benefícios, tanto para o líder quanto para os liderados. Bons KPIs ajudam a promover uma liderança justa, a recompensar os bons profissionais e a desligar os que não são tão bons assim. Além disso, permitem que os processos diários sejam aprimorados e que os clientes sejam bem atendidos. Adiante, detalhamos esses benefícios.

Ajuda a identificar gargalos indesejados

Você pode entender “gargalo” como todo impedimento ao resultado desejado. Na área de logística, por exemplo, caminhões sucateados são um verdadeiro gargalo. O problema é que nem todo impedimento é tão óbvio, tornando-se necessário realizar análises profundas.

Nesse caso, o KPI é de grande utilidade. Ele permite que o gestor e a equipe de trabalho identifiquem o que não está indo bem e por qual motivo. O importante é que essa análise deixa de ser superficial e passa a ser profunda, baseada em números reais.

Facilita o processo de liderança da equipe

Liderar é algo prazeroso, mas também desafiador. É preciso tomar decisões importantes, guiar subordinados e decidir sobre quem fica ou quem sai do time. Nesse caso, os KPIs são uma ótima ferramenta, pois permitem a tomada de melhores decisões.

Ao monitorar os resultados que foram alcançados por cada um dos profissionais e pelo time, fica mais fácil agir de maneira justa. Você poderá premiar os talentos, qualificar os profissionais com baixo desempenho e reconfigurar o time. Isso é benéfico para todos.

Subsidia metas realistas e desafiadoras

As metas são uma bússola. Elas garantem que todos da empresa sigam na mesma direção e que a força de trabalho seja alocada com consistência. O problema é que é complexo definir boas metas. Ao mesmo tempo, elas precisam ser realistas e desafiadoras.

Os KPIs podem ajudar bastante. Eles oferecem uma visão clara dos resultados que foram alcançados ao longo do tempo. Com esses dados, fica mais fácil projetar o futuro e definir as metas que nortearão o trabalho diário. Assim, os talentos terão mais chances de êxito.

Possibilita uma gestão baseada em evidências

O expediente de trabalho é complexo. Todos os dias, surgem dezenas de problemas e várias coisas mudam. Nesse contexto, não é suficiente contar com o achismo. O “eu acho” pode gerar grandes prejuízos às equipes e à própria empresa, tornando-a menos competitiva.

Felizmente, os KPIs oferecem algo importantíssimo: as evidências. Eles traduzem o que ocorre no dia a dia em números e permitem uma análise aprofundada. Isso permite que o gestor faça uma análise mais rígida, reduzindo, então, a margem de erro diária.

Melhora a experiência do cliente

A experiência do cliente é uma responsabilidade de todos os profissionais. Mesmo aqueles que atuam no back office acabam por influenciar a experiência de compra. Portanto, quando erros e problemas surgem, onde quer que estejam, o cliente acaba sendo prejudicado.

Nesse caso, é interessante destacar que o KPI tem um efeito de segunda ordem. Como ele melhora os processos e promove uma gestão baseada em evidências, influencia a experiência do cliente na empresa. Assim, os consumidores ficarão mais satisfeitos.

Como aproveitar os KPIs com a equipe?

Entendido o que é KPI e qual a sua importância, é hora de compreender como aproveitá-lo no expediente de trabalho. É preciso atuar em três sentidos: definir os KPIs certos, avaliar os resultados obtidos e compartilhá-los com a equipe.

No primeiro caso, o conjunto de indicadores varia bastante de acordo com a empresa, equipe e objetivo desejado. É preciso levantar KPIs que sejam realmente úteis, até para que não se perca tempo com o que é trivial. Um número entre 6 e 8 KPIs parece suficiente.

Além disso, é preciso monitorá-los com periodicidade. Não adiante levantar os KPIs uma única vez ao ano, pois se cria um gap temporal longo demais. Monitore seus KPIs uma vez por mês, no máximo trimestralmente. Assim, terá tempo hábil para reagir aos resultados.

Por fim, compartilhe esses resultados. O mais interessante é adotar um modelo de gestão à vista, no qual os dados ficam visíveis para os profissionais que fazem parte do time. Isso, além de promover transparência, garante que todos estejam por dentro dos acontecimentos.

Agora que você está por dentro do assunto, sabe que os KPIs de equipes são essenciais, talvez uma das mais importantes ferramentas gerenciais. Eles tiram o foco do “achismo” e permitem que todos trabalhem com base em evidências, diagnosticando precisamente os gargalos e agindo conjuntamente para eliminá-los. Dessa forma, as equipes e a empresa são beneficiados.

Gostou do nosso artigo, certo? Aproveite para continuar aprendendo conosco: confira o que é gestão de desempenho e como promovê-la dentro da sua empresa!

Deixe uma resposta